sexta-feira, 3 de maio de 2013

HOJE FEZ UM ANO QUE NÃO TIVEMOS NADA DE AVANÇO: VEJA O ACORDO

Propostas feitas pelo comandante-geral da PMMS aos policiais militares em reunião, na última sexta-feira, foram aceitas (02 MAIO 2012) pelo Governador 

3/05/2012 | Sandra Regina Alt 


Campo Grande (MS) – As propostas que o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Carlos Alberto David dos Santos, fez aos policiais militares e às suas entidades representativas na reunião ocorrida na sexta-feira dia 27 de abril, foram aprovadas hoje (2) de manhã pelo Governador, Dr. André Puccinelli.
O coronel David, entregou ao governador um documento assinado por ele, pelos presidentes do Clube dos Oficiais da PM e BM, da Associação Beneficente de Subtenentes e Sargentos e da Associação de Cabos e Soldados, contando ainda com o apoio e aprovação do Corpo de Bombeiros Militar, onde estavam consignadas propostas feitas aos policiais militares sobre assuntos de interesse da categoria, como reajuste e política salarial, dentre outros pleitos de igual importância.

Foram ao total seis propostas encaminhadas pelo comando-geral da PM e aprovadas pelo governador, que despachou no próprio documento “02/maio/2012 Recebemos das mãos dos coronéis David e Ociel (dos bombeiros militares) que também concordam com os quesitos abaixo e portanto os nossos interlocutores tem a prerrogativa de informar os seus comandados que atenderemos as pretensões apostas neste. Puccinelli”

No documento entregue ao Governador André Puccinelli foi solicitado:

1. Vigência a partir de 01 de maio de 2012 e devida antecipação da tabela salarial prevista para maio de 2013, com salário inicial (nível I) de soldado fixado em R$ 2.200,00 (dois mil e duzentos reais);

2. Curso de Formação de Sargentos PM nos anos de 2012, 2013 e 2014;

3. Curso de Habilitação de Oficiais do Quadro auxiliar de Oficiais da Polícia Militar;

4. Requisito do curso de Direito para ingresso na carreira de Oficiais do Quadro de Oficiais da Polícia Militar;

5. Defesa jurídica dos policiais militares que respondam processos judiciais e/ou administrativos de ações em serviço ou em decorrência do serviço policial militar;


6. Estudo criterioso para implementação e implantação de uma política salarial até o ano de 2015, com previsões e projeções ano a ano.

Veja abaixo a integra do documento e o despacho do Governador André Puccinelli.

 Fonte: PMMS


0 comentários :

Postar um comentário