domingo, 6 de abril de 2014

Policia Militar prende suspeito de matar soldado na Grande Natal.

Suspeito de matar o soldado Frederico foi preso 
em Mãe Luíza (Foto: Muriu Mesquita/G1)
A Polícia Militar do Rio Grande do Norte prendeu na noite deste sábado (5) um jovem de 18 anos suspeito de ter participado da morte do soldado da Polícia Militar Frederico Ferreira da Silva, de 32 anos, assassinado a tiros na noite da última sexta-feira (4) em Parnamirim, na Grande Natal. A delegacia de Plantão da zona Sul informou que o suspeito foi preso em Mãe Luíza, na zona Leste de Natal, e reconhecido pelas vítimas como um dos responsáveis pelo crime. O jovem nega participação na morte do policial.


Equipes do Batalhão de Choque (BPChoque), Bope e 1º Batalhão da PM participaram da operação que resultou na prisão do suspeito em Mãe Luíza.

O soldado Frederico foi assassinado dentro de casa, no bairro Nova Parnamirim. De acordo com o comandante geral da Polícia Militar, coronel Francisco Araújo Silva, ao que tudo indica o PM foi vítima de um latrocínio. "Levaram objetos da casa e uma pistola que pertencia ao soldado", conta Araújo. Os suspeitos de terem participado do assassinato são três homens. "A investigação fica a cargo da Polícia Civil, mas daremos todo o suporte e apoio necessário para descobrirmos quem praticou esse crime", explica.
Soldado Frederico trabalhava atualmente no
pelotão de Monte Alegre (Foto: Arquivo Pessoal)

'Conduta irrepreensível'
O policial morto já integrou a Força Nacional e o Bope, além de ter trabalhado na Companhia Independente de Policiamento Ambiental (Cipam). "Era um policial com a conduta profissional irrepreensível. Um cara trabalhador e correto nas ações dele", afirma o comandante geral da Polícia Militar, coronel Francisco Araújo Silva. Atualmente o PM estava lotado no 3º Batalhão da Polícia Militar e trabalhava no pelotão da cidade de Monte Alegre, na Grande Natal.

O crime

O crime aconteceu por volta das 19h30 dentro da casa do PM, na rua Petra Kelly. Os suspeitos invadiram o local e atiraram duas vezes no policial, segundo informações do oficial de operações do 5º Batalhão da Polícia Militar. O soldado Frederico não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

0 comentários :

Postar um comentário