quinta-feira, 16 de julho de 2015

80% dos coletes 'à prova de bala' estão vencidos, denuncia associação


Policiais militares de Dourados estão com 80% dos coletes balísticos vencidos, um dos principais equipamentos de proteção e segurança dos servidores. Os dados são da Associação de Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul (ACS/PMBM/MS), que denuncia ainda que este problema é uma realidade em todo o Estado.

De acordo com o diretor regional da ACS em Dourados, Aparecido Lima, dos 150 coletes disponibilizados para os policiais, cerca de 120 estão vencidos. Alguns desde 2009, ou seja, há 6 anos. “O colete vencido compromete a segurança do policial, já que determinadas munições podem furar o material. É o colete que vai definir entre a vida e a morte do servidor e se ele estiver ineficaz os riscos se agravam”, alerta, observando que no início deste ano, policiais de Mato Grosso chegaram a paralisar algumas operações por estarem com os coletes vencidos.