sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Suspeito de assassinar PM morre no Hospital



Ao ser localizado, rapaz trocou tiros com policiais militares e foi atingido Batalhão de Choque esteve pela manhã no local onde policial militar foi assassinado
Roberto da Silva, de 32 anos, apontado como autor do assassinato do soldado da Polícia Militar, Márcio Corrêa Ferreira, de 37 anos, faleceu no Hospital Regional de Campo Grande nesta sexta-feira, dia 30 de dezembro. Ele chegou agonizando na unidade de saúde após ter enfrentado o Batalhão de Choque que o procurava pelo crime. Na troca de tiros, Roberto foi atingido e não resistiu. A equipe médica do hospital tentou uma cirurgia, mesmo assim não foi possível salvá-lo.