sexta-feira, 31 de março de 2017

Samu completa 9 anos em Dourados


O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) completa hoje nove anos em Dourados. Café-da-manhã na sede da instituição, localizada nos altos da Hayel Bon Faker, Vila Tonani, reuniu a imprensa e o secretário municipal de Saúde, Renato Vidigal, que foi recepcionado pelo coordenador do Samu, Jony Alisson.

Segundo estatística do Samu, somente entre 1º de Janeiro até ontem, foram 14.680 atendimentos relativos a socorro em caso de acidente, baleado, esfaqueado, entre outros. Deste total, 2.894 foram trote, o que prejudica o trabalho dos socorristas, como também à toda população.

O Samu de Dourados, em parceria com a Procuradoria do Trabalho, Justiça do Trabalho e Ministério Público Estadual, assegura um serviço de radiofonia digital de última geração, que permite longo alcance, além de rastreamento das ambulâncias por sistema GPS. Mediante a implementação de softwares de atendimentos, o sistema permite armazenar todas as informações para geração de dados estatísticos.

O Samu é um componente assistencial móvel da Rede de Atenção às Urgências que tem como objetivo chegar precocemente à vítima após ter ocorrido um agravo à sua saúde (de natureza clínica, cirúrgica, traumática, obstétrica, pediátrica, psiquiátrica, entre outras) que possa levar a sofrimento, sequelas ou morte.

O serviço é feito através do envio de veículos tripulados por equipe capacitada, acessado pelo número 192 e acionado por uma Central de Regulação das Urgências.

 DouradosAgora
fotos- Cido Costa/DouradosAgora

terça-feira, 21 de março de 2017

Servidores estaduais são excluidos da reforma da Previdência


O presidente Michel Temer anunciou nesta terça-feira (21) que a reforma da Previdência atingirá somente servidores federais e trabalhadores do setor privado. Segundo ele, a reforma das previdências estaduais ficará a cargo dos governos dos estados.

segunda-feira, 20 de março de 2017

O juiz mais ameaçado do país vai se aposentar

Sob o risco de perder a proteção após 18 anos, Odilon de Oliveira cogita virar político ou se mudar para a Romênia

ALINE RIBEIRO, DE CAMPO GRANDE

Odilon de Oliveira chega à Justiça Federal no começo de março (Foto: Emiliano Capozoli)

O juiz federal Odilon de Oliveira destranca uma gaveta de documentos sigilosos e retira um livro de capa dura preta, com letras douradas. O ar condicionado congelante de sua sala ameniza os 37 graus de temperatura em Campo Grande naquela tarde de sexta-feira. No calhamaço de quase 300 páginas, escrito e encadernado por ele, Odilon guarda uma compilação de provas e memórias das ameaças de morte mais bem arquitetadas que sofreu em seus 30 anos na magistratura federal. “Esse seboso aqui eu condenei”, afirma, sem esconder o orgulho, depois de deslizar o dedo pelo sulfite e parar no nome de um dos traficantes.

quinta-feira, 9 de março de 2017

REFORMA DA PREVIDENCIA

Resultado de imagem para reforma da previdencia militares estaduais

O Comando da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul no intuito de sanar as dúvidas referentes a tramitação da Reforma da Previdência no âmbito estadual e federal, a partir da presente data emitirá um informativo semanal para que os policiais militares e suas famílias tomem conhecimento de forma oficial sobre o que vem ocorrendo.

Cabe ressaltar que o Governador do Estado de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, já garantiu ao comando da instituição a permanência do pagamento das férias não gozadas e licença especial não gozada na passagem para inatividade para aqueles que hoje já possuem esse direito. Além disso, durante a formatura da passagem do Comando Geral da PMMS em seu discurso, também garantiu que os policiais militares serão tratados de forma diferenciada na reforma, haja vista suas peculiaridades de serviço.

Quaisquer dúvidas deverão ser encaminhadas para os e-mails pm5.pmms@gmail.com e chempmms@gmail.com e serão respondidas pelo senhor Chefe do Estado Maior Geral Coronel PM Paulo Rogério de Carvalho Silva.

quarta-feira, 1 de março de 2017

POLICIA MILITAR FEDERAL

Resultado de imagem para como sera a  policia militar federal

Acelerado o processo de implantação da POLÍCIA MILITAR FEDERAL

Revista Sociedade Militar – DF – Essa semana muita gente se surpreendeu com uma nova proposta de unificação das polícias. A idéia, já em andamento, faz com que todos os policiais militares do país sejam subordinados à polícia federal, que é subordinada ao Ministro da Justiça, indicado pelo Presidente da República. A proposta deixaria os militares das Forças Armadas de fora no que diz respeito à resolução de problemas em nível nacional, deixando isso a cargo da criada POLÍCIA MILITAR FEDERAL.