quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Órgãos de GM com morte cerebral são doados para três estados


Roberto Aparecido Ramos, 52 anos, sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC) anteontem enquanto seguia de casa para o trabalho
O Guarda Municipal, há duas semanas, reforçou à esposa o desejo de ser doador de órgãos

Por: Flávio Verão - 
Médicos fazem a captação de órgãos no Hospital da Vida em Dourados
Fotos: Hedio fazan

Guarda Municipal em Dourados que teve morte cerebral terá os órgãos doados para pacientes dos estados de Mato Grosso do Sul, Acre e São Paulo. A cirurgia para retirada córneas, fígado e rins ocorre na manhã desta quarta-feira (11) no Hospital da Vida.

Roberto Aparecido Ramos, 52 anos, teve um Acidente Vascular Cerebral (AVC) anteontem enquanto seguia de casa para o trabalho. Ele sofreu ainda ataque cardíaco. A morte cerebral foi diagnosticada no hospital.

O Guarda Municipal estava na corporação há 16 anos e curiosamente, há duas semanas, reforçou à esposa o desejo de ser doador de órgãos. "A família já sabia que ele tinha o desejo de ser doador, os colegas de trabalho também", disse o comandante da Guarda,Sílvio Reginaldo Costa.