segunda-feira, 14 de maio de 2018

ACS realiza evento em comemoração ao Dia das Mães



Mães foram homenageadas pela ACS nesta quarta-feira. (Foto: Altagno Neto)

Como forma de valorizar policiais femininas mães, pensionistas e esposas dos sócios, a ACS (Associação e Centro Social dos Policiais Militares e Bombeiros Militares de Mato Grosso do Sul) realizou, na noite desta quarta-feira (10), um evento em comemoração ao Dia das Mães, que, este ano, será celebrado no próximo domingo (13).

>> CONFIRA AQUI AS FOTOS DO EVENTO

Na ocasião, a entidade sorteou brindes entre as participantes, ofereceu um coffee break e ainda promoveu uma palestra com a psicóloga Estefânia Bojikian Sarubbi, mestre em Psicologia e professora da Unigran Capital.

“Fomos eleitos para promover justiça social, e uma das maneiras é através da integração e socialização dos nossos associados. Esse evento possui um cunho social, e não poderíamos deixar passar uma data tão importante em branco”, afirmou o presidente da ACS, Mário Sérgio Flores do Couto.

O evento, realizado no auditório da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas), contou com a presença de cerca de 30 participantes. Ainda marcaram presença o vice-presidente da entidade, Aparecido Lima da Rocha, e os diretores Valdeci Salustiano, Luciano ‘Onça’ e Ramão Cristino Benites.

“A mãe é a célula mater de toda a sociedade. Em virtude disso, promovemos esse evento, o primeiro deles. Depois de 33 anos, queríamos valorizar nossas mães, seja pensionista, esposa de policial ou as policiais femininas, ativas e inativas. Esse foi o nosso objetivo”, finalizou a psicóloga Alícia Couto, organizadora do evento.

Jeozadaque Garcia
Assessoria de Imprensa da ACS

quinta-feira, 3 de maio de 2018

Regime Especial: Trabalho será voluntário por período de 12 horas

Policial será indenizado para trabalhar durante a folga. (Foto: Jeozadaque Garcia/Arquivo)

Policial será indenizado para trabalhar durante a folga. (Foto: Jeozadaque Garcia/Arquivo)
O Regime Especial de Trabalho, projeto que prevê a compensação financeira
 para o policial militar ou bombeiro que for chamado para trabalhar em sua folga,
será opcional para o militar. 
Pela proposta que deve chegar em breve à Assembleia Legislativa, os servidores poderão, 
“de forma voluntária, serem empregados no exercício da função pública mediante 
contraprestação pecuniária”.


O vice-presidente da ACS (Associação e Centro Social dos Policiais Militares e
Bombeiros Militares de Mato Grosso do Sul), Sargento Aparecido Lima da Rocha,
teve acesso a cópia da minuta do projeto.
Pelo texto, o policial poderá se voluntariar à prestação do serviço especial para
o período de 12 horas, desde que respeitado o intervalo mínimo de 12 horas de descanso
em qualquer atividade que esteja empregado, salvo àquela de natureza administrativa.



O valor da indenização, para oficiais, será de 14 UFERMS (Unidade Fiscal Estadual 
de Referência de Mato Grosso do Sul) -R$ 359,38 em valores atuais. 
Já para o praça, o valor será de 10 UFERMS -256,70 por período.





Jeozadaque Garcia


Assessoria de Imprensa da ACS





sábado, 28 de abril de 2018

Renato Câmara cria medalha em homenagem aos agentes de segurança pública de Dourados

Foi publicado no Diário Oficial de quinta-feira (19), a Resolução 5/2018, que cria a Medalha de Honra ao Mérito Legislativo em homenagem aos Agentes da Segurança Pública do município de Dourados em comemoração a Semana Estadual da Segurança Pública. A proposta é de autoria do deputado estadual Renato Câmara (PMDB).

Conforme o autor da proposta, a honraria é destinada às pessoas físicas que notoriamente são consideradas agentes da segurança pública em Dourados, que prestam ou prestaram relevantes serviços à população.

A concessão da Medalha de Honra será de competência exclusiva da Assembleia Legislativa e serão entregues em Sessão Solene realizada pelo Legislativo Estadual.

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Precatórios: Sócios devem entrar em contato com a ACS para cadastrar dados

Resultado de imagem para precatorios

A ACS (Associação e Centro Social dos Policiais Militares e Bombeiros Militares de Mato Grosso do Sul) reforça aos associados ainda não cadastrados, que aguardam pagamento dos precatórios das ações Wilson Barbosa e Etapa Alimentação, a necessidade de entrar em contato com a entidade, COM URGÊNCIA, para cadastramento dos seguintes dados: CPF, PIS/PASEP e número da conta.

O sócio deve procurar a Sede em Campo Grande pelo telefone (67) 3387-8501, ou entrar em contato com o diretor Regional mais próximo (confira AQUI a lista de diretores). Os precatórios das ações serão depositados diretamente na conta dos associados que integram os processos.


Jeozadaque Garcia
Assessoria de Imprensa da ACS

quinta-feira, 19 de abril de 2018

Professor e policial: principais vítimas do trabalho que adoece a mente

"É um ser humano e precisa ser ouvido", diz psicóloga, que atende policiais e bombeiros na ACS.

“É um ser humano e precisa ser ouvido”, diz psicóloga, que atende policiais e bombeiros na ACS.

Os transtornos mentais relacionados ao trabalho têm como vítimas preferenciais professor, policial e agentes de saúde.

A prefeitura de Campo Grande registrou no ano passado 1.297 afastamentos de servidores por doenças psiquiátricas. Em 2013, o número foi ainda maior: 1.429 servidores. As categorias com maior índice de doenças psiquiátricas são professores e agentes comunitários de saúde.

“Um dos grandes problemas é a indisciplina, que gera bastante ansiedade, desencadeando uma série de problema psicológicos, emocionais”, afirma o presidente da ACP (Sindicato Campo-grandense dos Profissionais de Educação Pública), Lucílio Souza Nobre.

quarta-feira, 18 de abril de 2018

Cabo Couto e Sargento Aparecido Lima se reúnem com pré-candidata


Presidente e vice se reuniram com pré-candidata. (Foto: Altagno Neto)

Presidente e vice se reuniram com pré-candidata. (Foto: Altagno Neto)


A ACS (Associação e Centro Social dos Policiais Militares e Bombeiros Militares de
Mato Grosso do Sul) recebeu, na manhã desta terça-feira (17), a visita da 3º SGT 
PM Betânia Kelly Rodrigues, pré-candidata a deputado estadual nas eleições deste ano.

sexta-feira, 13 de abril de 2018

Candidatos PM e BM, podem disputar mais de um cargo


Cronograma publicado nesta sexta-feira, dia 13, prevê aplicação das provas em dias diferentes 13 Abr2018Da redação16h47 (Foto: Marco Miatelo)

 Cronograma publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira (13.4) prevê a aplicação da prova escrita dos concursos da Polícia Militar (PM) e Corpo de Bombeiros Militar (CBM) em dias diferentes, possibilitando que o mesmo candidato possa concorrer a mais de um cargo nos concursos realizados pelo Governo de Mato Grosso do Sul.

segunda-feira, 9 de abril de 2018

Concurso para a PM e bombeiros de MS terá salários de R$ 7 mil

O governo do Estado publicou nesta segunda-feira (9) os editais para os concursos da Polícia Militar e para o Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul. São 614 vagas e os salários podem chegar a R$ 7 mil após a efetivação no cargo de oficial. Para soldado, o salário após o curso de formação é de R$ 3,3 mil.

Soldado do Corpo de Bombeiros Militar – Nível médio com 153 vagas (137 para candidatos do sexo masculino e 16 para candidatas do sexo feminino).

Haverá reserva de vagas para negros e indígenas, mas não há para deficientes, em razão da exigência de aptidão plena para o exercício da função bombeiro militar, nos termos do que estabelece o art. 2º da Lei n. 3.808, de 18 de dezembro de 2018. É necessário possuir idade mínima de 18 anos e no máximo 30 anos.

Inscrições: pelo site da Fapems, solicitada no período entre as 8h do dia 13 de abril e 16h de 25 de junho.

sexta-feira, 6 de abril de 2018

Odilon discute segurança com cabos e soldados da PM e Bombeiros

O pré-candidato do PDT ao governo, Juiz Odilon de Oliveira, se reuniu na tarde desta quinta-feira (05) com a diretoria da Associação dos Policiais Militares e Bombeiros Militares de Mato Grosso do Sul, para discutir alternativas que permitam fortalecer o trabalho da categoria e melhorar a segurança no estado.

“Não é de hoje que a PM e o Corpo de Bombeiros enfrentam uma série de dificuldades, como o déficit no efetivo da corporação, salários defasados e problemas estruturais nos quartéis. Eu costumo dizer que os policiais e bombeiros de Mato Grosso do Sul são verdadeiros heróis, porque não se deixam abater por essa situação e cumprem um papel de extrema relevância na prevenção e o combate ao crime. Eles têm muito a contribuir na preparação da proposta de governo que apresentaremos à sociedade durante a campanha. Com o engajamento dos servidores e a experiência que acumulei ao longo de 31 anos como juiz federal, sempre punindo, com rigor, a corrupção e o crime organizado, temos tudo para fazer uma gestão eficaz na área de segurança pública, para dar mais tranquilidade ao povo do nosso estado”, avalia Odilon. A associação é presidida pelo Cabo Mario Sérgio Flores do Couto e tem como vice-presidente o Sargento Aparecido Lima da Rocha.

quinta-feira, 29 de março de 2018

Couto assume presidência da ACS, fala em justiça social e promete gestão democrática

Cabo Couto e Sargento Aparecido Lima: presidente e vice da ACS para o próximo quadriênio. (Foto: Jeozadaque Garcia)

Cabo Couto e Sargento Aparecido Lima: presidente e vice da ACS para o próximo quadriênio. (Foto: Jeozadaque Garcia)

O cabo Mario Sérgio Flores do Couto tomou posse, nesta quarta-feira (28), como novo presidente da ACS (Associação e Centro Social dos Policiais Militares e Bombeiros Militares de Mato Grosso do Sul). Em solenidade realizada no auditório da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas), em Campo Grande, ele assumiu o lugar de Edmar Soares da Silva, que comandou a entidade nos últimos oito anos.